Pacotes de estímulos e vacina contra covid-19 aquecem as bolsas globais

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

 

Com a divulgação feita pelos EUA dos bons resultados das economias globais no terceiro trimestre de 2020, o Ibovespa encerrou a semana com alta de 3,9%, nos 98.309 pontos acompanhando o movimento das bolsas internacionais.

Nesta semana o Dólar também avançou 2,07% em comparação ao Real, fechando em R$ 5,64.

A possível aprovação de um novo pacote de estímulo nos EUA juntamente com a criação da vacina para combater o coronavírus fez com que as bolsas mundiais operassem em alta na manhã de hoje.

 

Por outro lado, com a disseminação do coronavírus na Europa e EUA, junto com a dificuldade de aprovação de um acordo comercial entre Reino Unido e União Europeia, faz com que os investidores se mantenham cautelosos.

Ontem (18), a presidente do congresso americano Nancy Pelosi, declarou que mesmo diante das diferenças na corrida presidencial, se mantém otimista quanto à possibilidade de aprovação de um pacote de estímulo antes das eleições junto ao governo Trump. A fala da democrata trouxe ânimo aos mercados.

 

Sábado (17), Boris Johnson, primeiro-ministro britânico, comunicou  que as conversas com a União Europeia teriam chegado ao fim. Como o acordo comercial em vigência expira neste ano, o Reino Unido deveria se preparar para comercializar com o bloco europeu sem nenhum novo entendimento, a partir de primeiro de janeiro, disse o líder.

Ainda assim, as negociações possivelmente continuarão nesta segunda-feira, aumentando a expectativa que um acordo seja alcançado.

Os mercados globais seguem acompanhando a alta de casos de covid-19 em economias de relevância. Conforme análise da rede de mídia CNBC, os novos casos de Covid-19 estão com um aumento em torno de 5% ou mais. O número de novos casos cresceu mais de 16% para mais de 55 mil casos nas comparações semanais.

 

 

A quantidade de novas infecções por dia pelo coronavírus aumentou na Europa para cerca de 97 mi. O aumento foi de 44% em comparação à semana anterior. A implementação do toque de recolher voltou a ser realizada em Paris na semana passada, e Londres restringiu reuniões de pessoas que não morem no mesmo endereço.

 

O principal destaque da agenda econômica desta semana no Brasil será a divulgação do Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA-15) referente a outubro. A expectativa é de que o índice apresente o aumento de 0,9% neste mês, ainda na linha de preços de alimentos pressionados.

 

No cenário externo, os PMIs de serviços e os dados de inflação (CPI e PPI) das principais economias serão as principais divulgações.

 

Não deixe de acompanhar o Café Econômico em nosso canal do YouTube para se manter atualizado durante a semana. De segunda a sexta às 8h20 da manhã.

 

Bons negócios e conte conosco nos investimentos!

× Como posso te ajudar?