Altas expectativas nos EUA

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Estamos começando a semana pós final de semana prolongado. Em cenários como estes, investidores possuem o hábito de efetuar a venda de suas ações para garantir o lucro e se protegerem não estando posicionados caso ocorra algum fato relevante que possa trazer muita oscilação no mercado financeiro.

Na semana passada as bolsas no mundo subiram e aqui não foi diferente, para esta semana teremos uma agenda mais branda, porém com eventos relevantes, inclusive nos EUA, cada vez mais perto das eleições.

O Ibovespa virou para alta na sexta-feira após ações do setor bancário zerarem suas perdas e começarem a registrar lucros, aproveitando também o bom humor internacional, fechando a semana com alta de 3,69% nos 97.483 pontos.

O Dólar, por sua vez teve seu fechamento em queda de 2,75% em relação ao Real nesta semana, fechando em R$ 5,53.

Para esta semana as eleições norte-americanas seguirão no foco, juntamente com a expectativa sobre o novo pacote de estímulos nos EUA.

O segundo debate entre Trump e Joe Biden foi agendado para dia 15 (quinta-feira). Após a comissão dos debates cogitar realizar o evento por videoconferência, Trump informou que não participará desta forma.

Sua equipe de campanha anunciou que ele realizará um comício no mesmo horário do debate. O adiamento ou cancelamento do debate presencial fica na expectativa.

O mercado internacional desacelera seus ganhos nesta terça-feira, após a pausa de um dos testes mais significativos de vacina contra o Covid-19 executado Johnson & Johnson.
A pausa nos testes deu-se após o adoecimento de um dos participantes.

Na quinta-feira, serão divulgados os resultados do terceiro trimestre de JPMorgan Chase, Citigroup e Johnson & Johnson. Ainda na quinta-feira será o final do prazo, determinado pelo próprio Reino Unido, para que chegue a um acordo comercial com a União Europeia. O acordo atual expira no final de 2020.

Ainda esta semana o mercado financeiro espera pelos índices de atividade e inflação, preço ao consumidor (CPI) tem expectativa de alta de 0,2%. Considerado uma prévia do PIB (Produto Interno Bruto) nacional, destacamos também o IBC-Br (Índice de Atividade Econômica do Banco Central) que será divulgado na quinta-feira (15).

Não deixe de acompanhar o Café Econômico em nosso canal do YouTube para se manter atualizado durante a semana. De segunda a sexta às 8h20 da manhã.

Bons negócios e conte conosco nos investimentos!